Schützenfest: Pesquisa de satisfação permite correções em tempo real

IMG_8021_850
Ferramenta de avaliação da Comissão Central Organizadora (CCO) da 27ª Schützenfest, pesquisa de satisfação disponibilizada, pelo segundo ano consecutivo, em três totens no Parque Municipal de Eventos, permite que situações apontadas por visitantes sejam corrigidas durante a festa. Até ontem (18), cerca de 700 respostas foram contabilizadas. No ano passado, foram 1.3 mil. Em pouco mais de dois minutos, moradores da região e visitantes respondem perguntas relacionadas à segurança, organização, limpeza, opções de alimentação e tempo de espera nas filas, numa escala que vai de muito insatisfeito, com nota 1; e muito satisfeito, com nota 5. Integrantes da CCO, que somam 35.745 os vistantes da festa e 38.541 tiros disparados nos primeiros sete dias do evento, receberam ontem (18) resultado parcial da pesquisa, com perguntas para visitantes locais e turistas. Nesta segunda situação, os questionamentos envolvem situações que vão das opções de alimentação na cidade à sinalização. Para ambos os casos, há a opção de avaliar a mudança na data da realização da Schützenfest, que até 2014 fazia parte das festas de outubro de Santa Catarina.

Diretor administrativo da CCO, Sidnei Marcelo Lopes, chama a atenção para a representação das marchas de reis e rainhas do tiro esportivo que ocorre originalmente nas sociedades. A representação ocorre diariamente e envolve as majestades do tiro, rainha e princesas da festa, CCO e convidados, num desfile entre os pavilhões do Parque Municipal de Eventos.
A programação para o último fim de semana de Schützenfesst (anexa) conta com apresentações para todos os gostos. Hoje (19) a entrada é livre até as 19 hroas, depois custa R$ 5,00. Agora à tarde, das 13 às 18 horas, tem a Schützen Seniorentag, Tarde dos Idosos, animada pelas bandas Die Brandt’s und Jeferson, Recordando o Passado e Tals Buam. Às 20 horas, no pavilhão B, o som fica por conta da Banda Estrela de Ouro; às 21 horas, no pavilhão A, a animação é com a Banda La Montanara.

A sexta-feira (20) segue com programação das 18 às 4 da madrugada, com entrada livre até as 19 horas. Despois, o acesso custa R$ 10,00. O início do fim de semana será marcado pelo retorno da Banda Cavalinho, que sobe ao palco às 2 da madrugada, no pavilhão A. Antes, às 22 horas, é a vez da Banda Karisma. No pavilhão B, que também recebe exibições de grupos folclóricos, tocam as Bandas Munique, La Montanara e Irmãos Radoll.

Público da festa por dia (Fonte: CCO)

12 – 2.600;
13 – 2.900;
14 – 11.000;
15 – 10.500 + 3.500 do desfile
16 – 1.115;
17 – 1.410;
18 – 2.720;
Total geral – 35.745.

Pedro Bortoloti Junior

Pin It