Projeto de minirreforma administrativa da Câmara de Vereadores recebe pedido de vista

Em sessão extraordinária nesta quinta-feira (26) o Projeto de Lei Ordinária 11/2017 que reestrutura setores e cargos do Legislativo recebeu pedido de vista do vereador Ademar Winter, que pretende propor emendas ao PL. Além de Winter, o presidente do Legislativo, Pedro Garcia, concedeu vista a todos os demais vereadores, para que possam contribuir com sugestões, e convocou outra sessão extraordinária para essa sexta-feira (27) para apreciar este projeto.

Sessão ext. 26-01 (11) 

MINIRREFORMA ADMINISTRATIVA

A proposta atual diminui o número de diretorias da Casa, transformando três delas em gerência. Com isso, as Diretorias de Comunicação e Administrativa passam a ser gerências; e a Diretoria de Suporte Legislativo foi extinta, essa função agora ser exercida por uma Função Gratificada de Gerência de Atos Legislativos, desempenhada por um funcionário efetivo do órgão. Dessa forma, os salários, que antes eram de R$ 8.616, 87, passam para 6.775,88. O PL 11/2017 também transforma duas gerências em chefias e a Diretoria Jurídica em Procuradoria Geral. Nos demais cargos não houve alteração.

Com a minirreforma, o Legislativo poderá fazer uma economia de até R$ 239 mil por ano, o que representaria, após quatro anos de mandato, uma economia de 956 mil reais, “que poderão ser usados pelo Executivo para outras necessidades dos munícipes”, reforça Garcia.

Tiago Rosário

Pin It