Primeiro alerta via SMS é emitido para município do Extremo-Oeste

Foto Cleiton Ferrasso

Ponte Serrada, município do Extremo-Oeste, recebeu a primeira notificação de emergência via SMS da Defesa Civil SC.

Na tarde desta quarta-feira (8), a secretaria de Estado da Defesa Civil SC emitiu os primeiros alertas via SMS. Moradores de Ponte Serrada e Herval D’Oeste receberam a notificação de emergência sobre o risco de enxurrada e alagamentos. Cerca de 376 pessoas que cadastraram o CEP receberam o alerta no município.  Após as mensagens, houve forte chuva acompanhada de ventos no local. Conforme a regional da Defesa Civil em Joaçaba, Adair Flamia, em Herval D’Oeste o vento destelhou parcialmente apenas uma casa. O Corpo de Bombeiros  prestou auxílio e a Defesa Civil SC forneceu 40 m ² de lona. Ninguém ficou ferido.

WhatsApp_Image_2017-02-08_at_13.34.56

Já no município de Ponte Serrada foi emitido dois alertas via SMS. O primeiro às 13h46 apontava sobre o risco de alagamento. A mensagem chegou para 396 moradores. O segundo alerta ocorreu por volta de 16h22 e alertava sobre o risco de enxurrada. A notificação de emergência chegou para 410 moradores que cadastraram o CEP no número 40199. Junto com o alerta, foi orientado para as medidas preventivas. O pluviômetro das estações do Cemaden choveu 20 mm durante a tarde, chuva localizada. Conforme o coordenador regional em Xanxerê, Luiano Peri, não houve estragos.

Quem ainda não aderiu ao serviço, pode enviar o CEP para o número 40199. Nas cidades que possuem mais de um CEP, os moradores podem incluir o novo endereço que deseja ser monitorado.  Basta enviar o CEP novamente para o número 40199. O serviço não tem custo para o cidadão. Mais informações podem ser obtidas no site defesacivil.sc.gov.br .

No Estado, 20 municípios catarinenses participam do projeto piloto de notificação de emergência via SMS da Defesa Civil. São eles: Araquari, Araranguá, Arvoredo, Balneário Rincão, Barra Velha, Caçador, Herval D’Oeste, Ilhota, Itapiranga, Maravilha, Mirim Doce, Pedras Grandes, Ponte Alta do Norte, Ponte Serrada, Rio do Sul, Rio dos Cedros, São Carlos, São João Batista, Três Barras e Urubici. 

Após 120 dias de teste, a etapa será nacionalizada. 

Cleiton Ferrasso.

Pin It