Prefeito sanciona Projeto de Lei que trata dos grandes geradores de resíduos

img_0897-800x533

O prefeito de Jaraguá do Sul, Antídio Aleixo Lunelli, sancionou nesta quarta-feira (24) o Projeto de Lei que dispõe sobre a responsabilidade dos grandes geradores de resíduos sólidos no Município de Jaraguá do Sul. Após a segunda votação que aconteceu terça-feira (23) na Câmara de Vereadores, o Projeto de Lei foi sancionado assim que chegou ao Gabinete do prefeito e será publicado no Diário Oficial do Município nesta quinta-feira (25).

Atualmente, são aproximadamente 50 empresas que ainda precisam destinar de forma controlada o lixo que produzem. Na lista aparecem supermercados, malharias, metalúrgicas, clubes, postos de combustíveis, entre outros que geram grandes quantidades de lixo e destinam estes resíduos por meio da coleta domiciliar.

Com a nova Lei, estes estabelecimentos ficarão responsáveis pela contratação de empresas especializadas na destinação dos resíduos. A medida deve reduzir em R$ 600 mil por ano o investimento que o Município faz neste serviço. Somente em 2016, o deficit foi de R$ 2,5 milhões no serviço de coleta e destinação do lixo. Estas empresas geram uma grande quantidade de resíduos (acima de 600 litros semanais) e pagam como se fossem geradores residenciais, condição que será corrigida com a nova Lei, já que o serviço não será mais prestado pelo Município.


Rogério Tallini
Pin It