Mais casos de Maria da Penha são registrados em Guaramirim e Jaraguá do Sul

A Central Regional de Emergência recebeu diversas denúncias relatando masculino agredindo familiares no bairro Avaí em Guaramirim por volta das 22 horas desta quinta-feira(16).

No local foi conversado com uma das vítimas a jovem de 19 anos e relatou que foi agredida pelo irmão, de 20 anos, que resultou em algumas lesões.

O masculino encontrava-se deitado, totalmente embriagado,  e diante dos fatos apresentados foi  dado voz de prisão.

O mesmo resistiu sendo necessário a utilização de força física e técnicas de imobilização para algemá-lo.

A mãe do detido também teria sido agredida, mas não quis se apresentar para a guarnição.

As partes foram encaminhadas a delegacia, contudo durante os procedimentos formais a vítima desistiu de formalizar o registro contra o irmão, sendo assim feito a entrega a polícia civil dos envolvidos e logo em seguida ambos foram liberados.

Mais cedo por volta das 18:43 h, no bairro Czerniewicz em Jaraguá do Sul a Central Regional de Emergência recebeu denúncia de vias de fato entre casal.

No local os policiais flagraram os envolvidos ainda discutindo.  A mulher de 45 anos relatou que foi agredida com chutes e socos por seu companheiro de 27 anos. Declarou ainda que esta não é a primeira vez que ocorreu, pois em data anterior já havia sido agredida pelo companheiro e ontem o mesmo invadiu a residência e lhe agrediu novamente, fora as ameaças de morte que vem sofrendo nos últimos dias.

A mesma ainda apresentava algumas escoriações pelo corpo devido as agressões.

Diante dos fatos  foi dado voz de prisão ao masculino pelos crimes de Violência doméstica (Lei Maria da Penha), Lesão corporal leve e Ameaça e encaminhada as partes para as providencias legais.

Pin It