Crianças do Rio da Luz II têm o primeiro dia de aula de alemão

IMG_5072

As dez crianças do 5º ano vespertino da Escola Professor Henrique Heise, no Rio da Luz II, tiveram seu primeiro contato com o professor de alemão Egon Jagnow nesta segunda-feira (14). Algumas delas já falam a língua em casa, com a família. Outras nunca ouviram falar. O que é um desafio para Jagnow, que terá que, aos poucos, nivelar a turma. Para iniciar a aula, o professor apresentou o material e propôs um exercício de pronúncia. Para pronunciar corretamente “Ich” “Eu” e “Haus” “Casa”, as crianças tiveram que apoiar nas costas da mão um pedaço de papel e derrubá-lo com o sopro da pronúncia. Outra brincadeira foi a de “joão-bobo”, em que os alunos exercitaram frases de apresentação em uma roda com bola.

O professor de alemão e coordenador do projeto de ensino da língua alemã na rede municipal de ensino, Egon Jagnow, da Secretaria de Educação, explica que o objetivo do projeto é preservar a língua alemã como patrimônio, principalmente em regiões onde há predomínio de imigrantes alemães, e para que ainda seja usada nas famílias. Para isso, pais e comunidade também são convidados a aprender e aprimorar a língua. No caso dos adultos, as aulas na região serão dadas às sextas-feiras à noite, das 19 às 20h30.

Outra turma de 30 alunos do 3º e 4º ano recebe aulas obrigatórias de alemão no contraturno escolar. Eles terão aula nas segundas-feiras à tarde, na mesma escola. Para o secretário da Escola Henrique Heise, Fabiano André Riffel, é uma honra ser a escola-piloto do projeto. “Os alunos da nossa escola poderão apresentar algo a mais no currículo e isso é muito bom”, destaca. Após a avaliação do projeto, há a possibilidade de ampliar as aulas de alemão para outras escolas municipais.

Clarissa Hammes Borba de Oliveira

Pin It