Consumo de gás natural em Santa Catarina cresce em todos os segmentos e já supera volumes de 2015

Com alguns meses em contínuo crescimento, o consumo de gás natural no estado em agosto fechou em 1,804 milhão de m³/dia considerando os quatro segmentos atendidos – industrial, automotivo, comercial e residencial. O volume supera em todos os setores o consumo no mesmo período de 2015, que registrou 1,726 milhão de m³/dia. Além disso, o volume fica apenas 3% abaixo do consumo de 2014, que foi de 1,857 milhão.
No setor industrial, onde o consumo de gás é um importante indicador para a produção, o consumo é 5,5% maior quando comparado ao mesmo período do ano passado. O volume consumido em agosto é o maior de 2016, sendo 4,5% a mais do que julho e 21% que em janeiro. O segmento consumiu 344,9 milhões de m³ no acumulado do ano.
Foto: Homero Buzzi/Arquivo ADR Rio do Sul
Esse dado reforça outros indicadores – entre os quais pesquisas do IBGE e o nível de confiança dos empresários da Fiesc – que destacam que a indústria catarinense está gradativamente retomando o seu crescimento. “Santa Catarina passou pela crise com a menor taxa de desemprego do país e agora a indústria está novamente aumentando a sua produção. E como atendemos 231 indústrias, as quais empregam cerca de 85 mil pessoas, as perspectivas são otimistas, principalmente após a redução da tarifa do gás, o que aumentou ainda mais a competitividade das nossas empresas”, afirma o presidente da SCGÁS, Cósme Polêse.

Comparativo do volume consumido por segmento em mil m³/dia

Segmento

Agosto/2014

Agosto/2015

Agosto/2016

Industrial

1.565

1.454

1.529

Automotivo

271

249

251

Comercial

18,3

18,3

18,5

Residencial

2,9

3,2

4,6

Total

1.857

1.726

1.804

Leonardo Mosimann Estrella

Pin It