Alunos do IFSC visitam Samae

DSCF7623

O Serviço Autônomo Municipal de Água e Esgoto de Jaraguá do Sul (Samae) recebeu a visita dos estudantes do quarto semestre, disciplina de Química Orgânica, do curso Técnico em Química do Instituto Federal de Santa Catarina (IFSC), Campus Centro.

O objetivo da visita, de acordo com as professoras Isabeli Mazzon Milani e Luciana Valgas, foi mostrar na prática o que aprendem em sala de aula. “É uma necessidade expor como funciona no dia a dia a aplicação da química, assim eles assimilam melhor o conhecimento”, afirma Isabeli.

O diretor presidente do Samae, Ademir Izidoro, agradeceu a presença dos alunos na autarquia e disse que o Samae é uma referência para o Sul do Brasil. “Chegamos a 80% de esgoto tratado na cidade. Este é um índice acima da média nacional e estadual. Nossos profissionais desenvolvem um trabalho de excelência para estamos sempre na frente quando o assunto é saneamento básico”. Izidoro enalteceu ainda que o Samae faz um belo trabalho por Jaraguá do Sul.

Antes da visita à Estação de Tratamento de Água Central (ETA), os futuros técnicos em química participaram de palestra sobre “Procedimentos Operacionais e Qualitativos na Estação de Tratamento de Água”, com o coordenador da ETA, Erick Gustavo Correa da Costa. “Indispensável para a saúde humana, o saneamento básico pode ser compreendido como o controle e a manutenção de todos os meios físicos do homem que possam afetar prejudicialmente a sua saúde”, explanou.

A aluna do quarto semestre do curso Técnico em Química, Milena Leithold, “foi muito proveitoso conhecer o Samae. Não imaginava o quanto se investe para tratar nossa água e fazer do Samae uma referência. Isso é um orgulho. Para o curso, todo esse conhecimento ajudará na formação de uma profissional mais capacitada”, enfatizou.

O Samae vem cumprindo com sua missão que é ‘contribuir com a melhoria da qualidade de vida da população de Jaraguá do Sul, prestando serviços de excelência relacionados ao abastecimento de água e esgotamento sanitário com sustentabilidade econômica e socioambiental’. Na próxima semana os estudantes do IFSC conhecerão o funcionamento da Estação de Tratamento de Esgoto do bairro São Luis (ETE).

 

Ricardo Portelinha

Pin It