Em jogo eletrizante, Juventus faz cinco e vence o Sport Club Jaraguá

Foi um desfecho além do imaginável para a segunda partida da história entre Juventus e Sport Club Jaraguá, válido pela primeira rodada do returno do Campeonato Catarinense da Série B. Em partida de oito gols, Juventus faz 5 a 3 no Sport Club Jaraguá em jogo eletrizante no Estádio João Marcatto neste domingo (18).
29154783683_830bbc65d5_o

Em início de jogo arrasador, o Juventus precisou de apenas 18 segundos para abrir o marcador, em bola alçada na área, Sabiá chuta cruzado para Marcelo Quilder escorar a bola para o fundo da rede. Seis minutos mais tarde, em falta indireta dentro da grande área Juventina, Campestrini não desperdiçou e empatou a partida. Mas, em tarde inspirada, Marcelo Quilder marca novamente, aos 7 minutos de partida em cruzamento de Baiano, o atacante subiu mais alto que a zaga adversária e colocou o tricolor na frente novamente. Sem tempo para comemorações, em confusão dentro da área Juventina, Campestrini empata a partida novamente, aos 9 minutos da primeira etapa.

Juventus continuou pressionando o adversário atrás da vantagem do marcador, por outro lado, a zaga do Jaraguá tentava resistir a pressão tricolor. Ainda no primeiro tempo, o Juventus teve um gol anulado, em confusão dentro da área adversária, a bola sobrou para Max marcar, mas a bandeirinha marcou toque de mão no lance.

Para o segundo tempo, o Moleque Travesso iniciou a partida na mesma pegada da primeira, levando perigo a meta adversária. Mas, dessa vez, foi o Sport Club Jaraguá quem marcou primeiro, aos 25 minutos, José chuta forte, a bola desvia no zagueiro Linno e vence o goleiro Dida, a virada do Sport Club Jaraguá. O tricolor não se abateu e aos 30 minutos, Max recebe lindo lançamento de Baiano, mata no peito e solta uma bomba para guardar mais um para o Juventus, empatando a partida. O jogo continuava aberto, Marcelo Quilder dispara em rápido contra ataque e lança Telê, que dribla o goleiro André e faz um golaço, o quarto Juventino.

O Sport Club Jaraguá saiu em busca do empate, exigindo defesas milagrosas do paredão tricolor, Dida, enquanto o Juventus aproveitava os contra ataques. E foi justamente de contra ataque que originou o quinto e último gol tricolor. Max lança a bola Marcelo Quilder é derrubado na área, Célio Amorim não pensou duas vezes e marcou pênalti, convertido por Sabiá, artilheiro da equipe, fechando o placar no Estádio Joao Marcatto.

Com o resultado, o Juventus alcança os 17 pontos, iguala o número de pontos do Tubarão e fica a 2 pontos do vice líder, Operário de Mafra. Na próxima rodada, o tricolor encara o Porto, último colocado da competição no Estádio João Marcatto.

29667741422_fef2b4f1ca_o

Fotos: Divulgação Grêmio Esportivo Juventus

Pin It